close up photography of yellow green red and brown plastic cones on white lined surface
Photo by Pixabay on Pexels.com
ColunistaDestaqueInternetMercado de TrabalhoNegócios

Networking é alma do negócio, seja mais humano

Você sabia que mais da metade dos empregos e contratos fechados são frutos de networking? Ter uma boa rede de contatos é um dos maiores ativos que profissionais e empreendedores podem ter para avançar em suas carreiras e negócios. O Networking é capaz de dobrar as nossas chances de sucesso. Por meio dele, você consegue gerar oportunidades, obter informações importantes, recomendações e convites. Mas não é só isso. Ele também funciona como uma rede de proteção nos momentos difíceis. Experimenta perder o emprego ou falir o seu negócio? É com as pessoas da sua rede de contatos que você poderá contar para desabafar, trocar ideias e conseguir novos trabalhos. Apesar de tão importante, networking é uma das práticas mais complexas no mundo nos negócios e a mais fácil de cometer falhas.

Claro que marcar encontros, ser presente nas redes sociais, ouvir o feedback  dos seus clientes é importante. Mas é preciso fazer com estratégia. De que adianta, por exemplo, enviar um cupom de desconto de uma churrascaria para um cliente vegetariano ou ainda ter uma base de contatos gigante, mas não ter a sensibilidade de entender as necessidades de cada cliente.

“Hoje se fala tanto na importância do networking, mas na verdade poucos sabem praticar de forma genuína, colaborativa e humanizada. É preciso saber ouvir as pessoas, saber o que realmente elas querem ou precisam”, diz a especialista em soft skills Alice Salvo Sosnowski, que tem um curso sobre Networking Humanizado na Descola (https://descola.org/networking). No mundo do trabalho isso é mais importante ainda porque ninguém faz nada sozinho. É preciso contar com as pessoas para ter avanços na carreira corporativa ou na evolução de um projeto empreendedor.

A primeira coisa é preciso mudar a forma de enxergar e praticar o networking. Ele não é um toma lá, dá cá, ou apenas um jogo de interesses. É uma forma de criar vínculos com pessoas que podem te ajudar profissionalmente e/ou vice-versa. É uma forma de obter sucesso ajudando os demais a serem bem-sucedidos. Veja outras dicas essenciais:

Esteja sempre atualizado e informado

Este um diferencial extremamente importante independente da área que o profissional trabalho. É uma forma de se conectar com as pessoas por meio de boas ideias

Invista nas redes sociais

Para aproveitar a tecnologia a seu favor, mantenha seus perfis atualizados nas redes que você usa. Coloque os trabalhos recentes que fez, os encontros que participou, as pessoas que conheceu.

Amplie e cultive seus contatos

A rede de contatos é como cultivar uma árvore: primeiro você planta, depois você rega constantemente e, logo você estará colhendo os frutos. Primeiro você dá, depois você recebe.

Se faça presente

Não procure só sua rede quando precisar de ajuda. Crie seu próprio conteúdo.Tente tornar-se conhecido como uma boa fonte de informações. As pessoas vão lembrar de você quando estiverem falando do seu assunto. Tenha uma marca, um território no qual você é lembrado!

Alice Sosnowski

Mais sobre Alice Salvo Sosnowski

Jornalista, escritora, professora, especialista em empreendedorismo e soft skills, criadora da metodologia O pulo do gato empreendedor©, foi eleita em 2019 uma das Top Voices no Linkedin. Também é mestranda em empreendedorismo pela FEA/USP e desenvolve conteúdo, palestras e workshops sobre negócios da nova economia e comportamento empreendedor. Além disso, é autora do livro Empreendedorismo para Leigos e de uma série de e-books que ajudam o empreendedor a planejar e executar seu negócio por meio da inovação e colaboração. Veja mais em: www.opulodogatoempreendedor.com.br

You may also like

More in:Colunista

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.