CulturaDestaqueGabriel FerreiraTelevisão e MaisTV

O Fenômeno Genêsis

No ar desde o fim de janeiro, “Gênesis” da Record TV, é aclamada entre o público, principalmente nas redes sociais. Primeira novela da televisão brasileira a ser filmada e exibida de forma inédita na pandemia, é baseada no primeiro livro da Bíblia, que leva o seu nome e conta a história da criação do mundo.

O enredo é dividido em sete fases: O Jardim do Éden, que conta a história de Adão e Eva; Noé e o Dilúvio, narrando a história da Arca e os seus respectivos animais; A Torre de Babel, que conta o porquê das pessoas falarem várias línguas; o Ur dos Caldeus, que se torna a residência de Abraão; a Jornada de Abraão, que relata a sua chegada a Canaã até o Egito, sem a permissão de Deus e por fim, José do Egito, que relata a sua trajetória de escravo até o percurso de Governador.

Reunindo mais de 250 atores entre as fases da novela, algo inédito na história da teledramaturgia brasileira. A previsão inicial é de que sejam exibidos 150 a 200 capítulos. Um diferencial de “Gênesis” é que haverá sequências com os artistas cantando em cena e não fazendo só a dublagem. Durante o processo de preparação, o elenco participou de diversos encontros para esclarecer dúvidas sobre a história, comportamentos e manuseios de objetos da época. Além disso, foram realizados estudos minuciosos da Bíblia, de dados científicos e de elementos históricos de Gênesis.

A produção bíblica terá mais de 65 cenários, que terão tonalidades diferentes para localizar o público, fora as oito cidades cenográficas, que foram construídas para abrigar todas as fases da novela, que foi baseada no livro mais vendido do mundo. Como as gravações foram iniciadas antes da pandemia do novo coronavírus, há cenas feitas no Sul do país, em Minas Gerais e também no Marrocos (para onde foram levadas 100 malas de roupas e equipamentos). As gravações foram suspensas pela Covid por sete meses e ao serem retomadas passaram a seguir um protocolo securitário.

Um dos autores da novela, Camilo Pellegrini, conta que a qualidade da Bíblia ajudou muito para a sua preparação.

“É um dos livros mais gostosos de ler, apesar de ter sido escrito há milhares de anos… Ver essa história ser contada pelo audiovisual será uma grande inovação.” – finaliza o novelista em entrevista ao Portal R7.

A trama tem a autoria de Camilo Pellegrini, Raphaela Castro e Stephanie Ribeiro, com direção geral de Edgard Miranda e supervisão de Cristiane Cardoso. O elenco conta com alguns nomes oriundos da Rede Globo, dentre eles, Oscar Magrini, que já atuou em “O Rei do Gado” (1996) e “Salve Jorge” (2012), e Juliano Laham, que desempenhou papéis em “Malhação – Pro Dia Nascer Feliz” (2016) e “Orgulho e Paixão” (2018).

Um novelão, né? “Gênesis” é exibida na Record TV, de segunda a sexta às 21:00 com capítulos inéditos, e aos sábados, no mesmo horário, com os melhores momentos da semana. Não perca!

Gabriel Ferreira – Estudante de Jornalismo

You may also like

More in:Cultura

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.