Festival Meninada Anuncia Edição Virtual Nas Comemorações da Semana da Criança

5 min. leitura

Chega de saudade! O Festival Meninada anuncia sua segunda edição, depois da pausa de 2020, atravessado que foi, como todo o mundo, pela pandemia da Covid-19. Na nostalgia dos abraços, mas certo de que o momento permanece de cultivar o cuidado e a esperança,  o festival se transporta para o formato virtual, numa edição especial que reúne quatro shows, no dia 10 de outubro (domingo), abrindo as comemorações da Semana da Criança. O Festival Meninada é realizado pela agência cultural Ultrapássaro, com recursos da Lei Aldir Blanc, parceria da Escola da Serra e coordenação de produção de Karina Nicácio. A transmissão será pelo canal youtube.com/festivalmeninada

Produzido com rigor nos protocolos de segurança, o Meninada foi gravado no pátio da Escola da Serra, em Belo Horizonte, reafirmando o elo entre cultura e educação como a base do festival. É nesse palco que se apresentam em ritmo de show valendo, em take único, as atrações da edição: Trio Amaranto com o espetáculo “Três Pontes”, Irene Bertachini com “Brincante Lili!”, a Cia. Canta Contos com “O Menino Sabino” e Ana Couttinhocom “Histórias da Arca”. Quem recebe a criançada e as famílias e as conduz por essa edição é ninguém menos que Rogério Araújo (o Roger), ator, criador de diversos espetáculos como um dos integrantes do grupo de teatro Armatrux. 

“Desde a primeira edição, a programação parte da perspectiva autoral, da criação dos artistas da nossa cena”, explica o cantor e compositor Dudu Nicácio, idealizador do festival. Pai de duas crianças, Joana (8) e Antônio (5), Dudu destaca que, desta vez, um outro recorte se apresenta na programação. “Naturalmente, aflorou-se uma força feminina, das mulheres que cantam e contam histórias. Então, temos um panorama da criação feminina em gerações diferentes, com as irmãs Lúcia, Flávia e Marina, do Trio Amaranto, com a Irene, com a Bárbara, contadora de histórias da Cia. Canta Contos, a mais nova do pedaço, e com a Ana Couttinho, que é uma figura que já pode ser chamada de mestra da cultura popular infantil”, avalia ele.

DESAFIO PANDÊMICO

Como pai e artista, Dudu reconhece os desafios que a pandemia impõe também na questão do tempo de exposição das crianças às telas.

“A decisão de realizar o festival virtualmente é difícil porque um dos nossos pilares é o encontro. Em 2019, o Meninada aconteceu nos parques da cidade, cultivando o contato com a arte, a natureza, a cultura popular. Mas o outro pilar é dar visibilidade para a produção da cidade. Então, ocupar o espaço nesse contexto tem dois lados. Um, que é dos criadores de arte, dos profissionais, e a gente sabe bem o que a pandemia gerou, a dificuldade que tem sido para todo mundo se manter no seu ofício. A criação de oportunidade de trabalho, neste contexto, é muito importante. Artistas sempre alimentaram a alma do mundo e agora precisam desse suporte”, reflete.

“Ao mesmo tempo, para as crianças, é fundamental mostrar que as coisas estão acontecendo, que o mundo está aí. Apontar para o lugar do reencontro, do momento em que tudo isso vai passar e para a necessidade de manutenção dos cuidados em virtude da pandemia. Por enquanto, o virtual serve para fortalecer a esperança que, inclusive, as crianças já têm muito”, avalia ele.

PALCO EXPANDIDO

No formato online, o Festival Meninada agora não é mais apenas de Belo Horizonte, transforma-se numa vitrine da produção local daqui para além montanhas e também num arquivo para o futuro. “A perspectiva do virtual nos leva além do nosso quintal. A gente sabe que não é simples, mas virou uma realidade e temos que pensar nas novas possibilidades que se abriram para produção de arte e de conteúdo. Vai ficar como uma marca deste momento, para ser acessado por crianças de agora, de amanhã, daqui e de outros lugares”, salienta Dudu.

SERVIÇO

FESTIVAL MENINADA 2021 – 2ª EDIÇÃO

Com: 

Trio Amaranto – Espetáculo “Três Pontes”

Cia. Canta Contos – Espetáculo “O Menino Sabino”

Irene Bertachini – Espetáculo “Brincante Lili!”

Ana Couttinho – Espetáculo “Histórias da Arca”

Apresentação:

Rogério Araújo

Quando: 10 de outubro de 2021, a partir das 15h

Onde: youtube.com/festivalmeninada

Deixe um comentário
Cadernos
Institucional
Colunistas
andrea ladislau
Saúde Mental
Avatar photo
Exposição de Arte
Avatar photo
A Linguagem dos Afetos
Avatar photo
WorldEd School
Avatar photo
Sensações e Percepções
Marcelo Calone
The Boss of Boss
Avatar photo
Acidente de Trabalho
Marcos Calmon
Psicologia
Avatar photo
Prosa & Verso