CulturaMúsica

Elisa Gatti, a Mãe Musical, faz música pop para crianças e cuidadores

A compositora e cantora paulistana Elisa Gatti, autora de mais de 200 canções, é a única brasileira de uma família de italianos. Inevitavelmente, a música sempre fez parte de sua formação e de sua infância.Com apenas quatro anos começou a tocar violão, aos oito compôs sua primeira canção, e nunca mais parou.

Com o sonho de levar seu trabalho a mais pessoas, durante sua adolescência e juventude participou de alguns programas de televisão e vários festivais de música no Brasil e Itália.

Em seguida, ingressou no universo da publicidade. Apesar de ser formada em Administração de Empresas pela FEA-USP, construiu sua carreira profissional como criativa paralelamente à carreira musical. Passou pelas maiores agências do país, se tornou Diretora de Criação e suas campanhas publicitárias sempre tiveram a música como marca registrada.

Grandes artistas como Daniel, Michel Teló, Tatá Werneck, Solange Almeida e Wesley Safadão, gravaram algumas de suas canções para campanhas publicitárias.

Em 2015, decidiu empreender e criou a empresa Músicas Personalizadas que, como o próprio nome diz, faz músicas sob encomenda, baseadas nas histórias das pessoas. Ronnie Von e Daniel também foram personalidades que tiveram músicas feitas com a história de suas vidas.

Mas foi em 2019, quando sua filha Chiara (11 meses) nasceu, que Elisa viu nascer junto o grande projeto de sua vida: o Mãe Musical, uma plataforma que reúne suas composições infantis e outros conteúdos musicais.

Para lançar o projeto, Elisa preparou com muito carinho o álbum Não Entendo, com 12 músicas autorais, que trazem uma sonoridade e conceito bem diferentes do que existe hoje no universo infantil. Além disso, 6 ilustradores e 3 animadores vêm dando uma cara única para as animações que acompanharão as canções. Cada uma terá uma identidade visual diferente, todas muito modernas e feitas para estimular os cuidadores a consumirem o conteúdo com as crianças.

“Música pop para crianças e cuidadores de todas as configurações familiares. É isso que quero fazer. Quero mostrar que a música pode ser uma ferramenta potente de aproximação adulto-criança, integração, educação e criatividade.” afirma a criadora do projeto.

O projeto Mãe Musical também se diferencia por ter um rosto verdadeiro e não ser ancorado em um personagem construído. Elisa é mãe, compositora, cantora e usa a música no dia a dia com sua filha.

Além do álbum, previsto para lançar seu primeiro single em setembro, o projeto trará tutoriais com a própria artista ensinando os acordes das canções aos cuidadores; “Histórias para contar e cantar”, com resenhas mensais de livros e canções compostas com suas histórias; entrevistas, animações e muitos momentos musicais.

Sem dúvida, Elisa é uma artista que traz uma nova linguagem pro universo musical infantil.

You may also like

More in:Cultura

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.