Conheça Jéssica Freitas, a ex-diarista que está ganhando R$ 30 mil por mês no FanFever

7 min. leitura

Jéssica Freitas – 32 anos, esposa, mãe e diarista – viu sua vida mudar completamente quando descobriu a possibilidade de vender conteúdos por assinatura. De segunda a sábado sua rotina consistia em acordar cedo, realizar a faxina do seu primeiro cliente das 8h às 11h30, voltar para casa, almoçar e levar o filho na escola, voltar à faxina na casa do segundo cliente, buscar o filho na escola e ir à academia. A rotina cansativa rendia entre 3 e 4 mil reais por mês, mas ainda não proporcionava sua tão desejada independência financeira.

Jéssica decidiu criar uma conta no Instagram para compartilhar seus treinos, sua dieta e alguns vídeos dançando. Um deles viralizou e, como relata Jéssica, “desse vídeo vieram muitos seguidores, muitos, tipo assim ganhei 20 mil seguidores em uma semana, foi muito doido”. Foram eles que pediram continuamente para Jéssica se tornar criadora de conteúdo adulto e a jovem tomou, então, a decisão que mudaria sua vida para sempre.

Ela, que já se considerava uma pessoa vaidosa, ingressou nesse mundo da produção de conteúdo com poucas expectativas: “No início, eu fiquei muito tímida, né, eu até brinquei com meus seguidores ‘olha, vou criar minha plataforma, vou fazer meu cadastro […] se ninguém assinar, eu finjo que nada aconteceu e sigo o baile’.” relembra Jéssica. Apesar do gosto pela atenção, no início a produtora se sentiu um pouco intimidada com a ideia de outras pessoas a verem de um jeito que, até então, só o seu marido via. Porém, isso não durou muito tempo e logo ela e o marido estavam produzindo conteúdo juntos.

Atualmente, Jéssica está nas principais plataformas de venda de conteúdo adulto, mas sua queridinha é a FanFever “Eu conheci a FanFever pelos stories da Neter, que também é criadora de conteúdo. Quando eu vi os diferenciais eu falei ‘cara, eu vou investir aqui’ […] na FanFever eu podia postar stories, vídeos e fotos pra seguidores que se tornariam futuros assinantes, fazer lives, trocar mensagens… O fato de ser uma rede social +18 foi o diferencial pra eu me dedicar cada vez mais lá”, conta a produtora.

Ao decidir explorar o potencial da FanFever, ela encontrou uma maneira de transformar sua paixão em uma fonte de renda substancial. Compartilhando conteúdo exclusivo regularmente e divulgando seu perfil nas redes sociais, Jéssica logo cativou uma base de Fans dedicados – o que possibilitou uma renda mensal de cinco dígitos.

Como a FanFever é uma plataforma que oferece aos produtores de conteúdo a oportunidade de se conectar com a audiência de maneira única – através do compartilhamento de conteúdo por assinatura e venda avulsa, troca de mensagens e transmissões ao vivo – Jéssica encontrou ali não apenas uma fonte de renda, mas um espaço para interagir com seus seguidores.

Foi assim que a FanFever conquistou seu coração, oferecendo as ferramentas perfeitas para gerar essa conexão com os assinantes: “Eu gosto de ter essa conexão com eles, então as lives me geram autonomia pra despertar desejo, curiosidade […]. Eu mando mensagens, crio conexão, demonstro que eles são especiais. Tudo que rola no meu FanFever é exclusivo, […] então eu deixo eles bem cientes disso, e eu tô sempre de olho, também, nos comentários dos meus vídeos pra saber o que eles querem ver. Eu faço com que eles sintam que são ouvidos e realmente produzo pra eles.”,explica a produtora, demonstrando o carinho por sua audiência.

Afinal, é impossível não sentir um afeto real pelas pessoas que possibilitaram mudanças incríveis em sua vida, permitindo a autonomia financeira e a realização de sonhos. Em Junho de 2024, Jéssica Freitas completa um ano como produtora de conteúdo adulto e sua média de renda atual é 30 mil reais por mês. Nessa jornada, ela não realizou apenas um, mas muitos sonhos. “A compra do meu primeiro Iphone Pro Max […] assim à vista com o dinheiro do meu trabalho, sem precisar pensar em quantas vezes eu tinha que parcelar pra ter aquele celular, nossa, sem comparação, assim, liberdade financeira total. E recentemente eu comprei um carro à vista, […] isso é algo que não tem preço.” compartilha Jéssica com emoção.

Os ganhos financeiros não são o único benefício para a produtora, que conta que agora tem muita liberdade e autonomia sobre seu tempo e sua vida. Se antes as viagens eram escassas por falta de dinheiro e tempo, agora ela tem uma abundância das duas coisas e ainda pode usar suas viagens para produzir mais conteúdo. Ela também adora ir à academia quando quer e gosta ainda mais de cuidar do seu visual, o que também têm um papel na melhora de sua autoestima em 1000%, de acordo com suas próprias palavras.

Ao contrário dos seus primeiros dias como criadora de conteúdo, Jéssica tem, agora, grandes expectativas para o futuro de sua carreira. Ela quer ser referência em sua área, um exemplo, inspirar outras mulheres a trabalharem duro para, como ela mesma diz, “serem tão grandes quanto a Jéssica Freitas, porque ela sim chegou no topo”. E nós acreditamos que essa é mais uma meta que ela irá alcançar.

Sobre a FanFever:

É uma plataforma inovadora que permite aos produtores de conteúdo monetizar sua audiência através de conteúdos, possibilitando a liberdade geográfica e a autonomia financeira de seus produtores. Com opções de assinatura mensal ou compra avulsa, os produtores podem oferecer acesso exclusivo a conteúdo, trocar Mensagens Privadas, fazer Lives e receber Presentes virtuais, tudo isso gerando maiores oportunidades de interação e monetização. A plataforma oferece segurança e praticidade, com expertise em monetização e cibersegurança. Com a FanFever, os produtores podem alcançar altos rendimentos ao conectar-se com seus Fans de forma eficaz e lucrativa, assim como Jessica fez.

FanFever

Cadernos
Institucional
Colunistas
andrea ladislau
Saúde Mental
Avatar photo
Exposição de Arte
Avatar photo
A Linguagem dos Afetos
Avatar photo
WorldEd School
Avatar photo
Sensações e Percepções
Marcelo Calone
The Boss of Boss
Avatar photo
Acidente de Trabalho
Marcos Calmon
Psicologia
Avatar photo
Prosa & Verso